domingo, 15 de maio de 2011

Separar o joio do trigo. BM pedem socorro.




video

O governo diz que a greve é política. Os Bombeiros Militares e Policiais Militares contestam e dizem que a greve é por dignidade salarial e reconhecimento do Governo com os BM.
Solução separar o que é político do que reivindicação, de uma Classe com aceitação mundial de 98%. Se a duvidas que os BM estão sendo usados cabe ao Governo se tem real respeito e consideração e se quer provar que o boato vinculado são mentiras, contra-atacar com diálogos e trabalho de gerenciamento dos conflitos das vaidades. Os BM esperam apenas compreensão por parte do Governo, isso este bem explícito. Os BM vêm batendo sempre nessa tecla, o Governador Sérgio Cabral pretende nós manter a margem. Ele não gosta de BM. Ele odeia BM por ter sido vaiado, por ter extinguido a Secretária de Defesa Civil e quer nos enfraquecer, Por iniciar campanhas de aproximação da PMERJ com a população e esquecer-se do CBMERJ etc.
Na primeira eleição a grande maioria dos BM inclusive eu e minha família, votou no Governador Sérgio Cabral e na segunda um grande nº BM também confirmaram o seu voto inclusive o Pessoal da DENGUE que subitamente vaiou, votaram e foi comentado por toda corporação.
Vamos ao dialogo tudo pode ser consertado menos a morte. Contra as forças não há resistência.
Quem ganha com isso tudo?


Fé e Razão
Reynoso Silva Cidadão Bombeiro.

9 comentários:

  1. Falou muito e não disse nada. Vc é a favor ou contra o movimento? entao va la amanha as 8:00 na alerj. Juntos somos fortes!

    ResponderExcluir
  2. Sou a favor do movimento sem interferência escusas, vaidades pessoais o usando os BM.
    Sou contra a greve!!!

    ResponderExcluir
  3. A PEC 300 deu em que vc pode me dizer?

    ResponderExcluir
  4. O Bombeiro Militar tem que ficar atento para se posicionar se não vira massa de manobra. Existe muitos querendo ajudar, muito querendo se aproveitar do momento, o movimento pode esta contaminado. Se a casa é do povo o BM tem que estar la dentro e participar de tudo. Não é com truculência que se resolve as questões. Ate agora não vi nada de produtivo. Não vi os Gabinete abertos para os BM, o verdadeiro acolhimento. No Militarismo vale o que esta escrito. A idéia de paralisação que felizmente não se concretizou, gerou foi atraso, retrocesso nas negociações,e opiniõe publica contraria, só problema para os BM e agrado aos urubu de plantão.Compartilho sim com vc do anseio por dignidade por justiça para todos apesar de que eu não tive o CBMERJ melhorado que vc tem. Viram por acaso o Cel Libanio por ai?
    Fiquei observando atento a tudo estou me posicionando a se um BM sequer me ouvir eu fico feliz. Eu sou a favor de um CBMERJ para todos, Oficiais e Praças com respeito e consideração, e respeito se conquista não é imposto. Tenho participado do programa do Roberto Canázio.E assim que eu penso e acho que não existe, um BM que goste mais dos Bombeiros e do CBMERJ do que eu.
    Forte abraço

    ResponderExcluir
  5. Valeu mestre reinoso. Concordo com o sr vamos conversar.

    ResponderExcluir
  6. Reconheço que vc ralou muito servi contigo cada um ajuda como pode Agradeço a sua preocupação.
    JSF

    ResponderExcluir
  7. Eu não tenho outro meio de sustentar a minha familia por isso tem medo de me dar mau. tomara que tudo de serto.

    ResponderExcluir
  8. Acho que a agonia da espera já vai passar finalmente as portas da ALERJ foram abertas, para os BM, de fato como eu esperava. Agora o verdadeiro acolhimento foi feito e vai tudo para o papel tudo escrito como o bom Militar bombeiro sabe fazer.
    abs Reynoso Silva Cidadão Bombeiro

    ResponderExcluir
  9. Acredito que Cabral resolverá da melhor forma possível.

    ResponderExcluir

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.