segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Bombeiros civis mas uma vitória



Lei 11901/09 

Lei Nº 11.901, de 12 de janeiro de 2009



O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1o O exercício da profissão de Bombeiro Civil reger-se-á pelo disposto nesta Lei.

Art. 2o Considera-se Bombeiro Civil aquele que, habilitado nos termos desta Lei, exerça, em caráter habitual, função remunerada e exclusiva de prevenção e combate a incêndio, como empregado contratado diretamente por empresas privadas ou públicas, sociedades de economia mista, ou empresas especializadas em prestação de serviços de prevenção e combate a incêndio.

§ 1o (VETADO)

§ 2o No atendimento a sinistros em que atuem, em conjunto, os Bombeiros Civis e o Corpo de Bombeiros Militar, a coordenação e a direção das ações caberão, com exclusividade e em qualquer hipótese, à corporação militar.

Art. 3o (VETADO)

Art. 4o As funções de Bombeiro Civil são assim classificadas:

I - Bombeiro Civil, nível básico, combatente direto ou não do fogo;

II - Bombeiro Civil Líder, o formado como técnico em prevenção e combate a incêndio, em nível de ensino médio, comandante de guarnição em seu horário de trabalho;

III - Bombeiro Civil Mestre, o formado em engenharia com especialização em prevenção e combate a incêndio, responsável pelo Departamento de Prevenção e Combate a Incêndio.

Art. 5o A jornada do Bombeiro Civil é de 12 (doze) horas de trabalho por 36 (trinta e seis) horas de descanso, num total de 36 (trinta e seis) horas semanais.

Art. 6o É assegurado ao Bombeiro Civil:

I - uniforme especial a expensas d

Esta ai uma nova oportunidade para os bombeiros encaminharem os seus filhos e parentes para o mercado de trabalho que esta se tornando promissor na área governamental e privada. Trata-se dos antigos brigadista que hoje estão se tornando por força de lei Bombeiros Profissionais Civis (BPC), que estão sendo habilitados pelo CBMERJ/CIEB. informações no site www.cieb.cbmerj.rj.gov.br.


Companheiros bombeiros interessados que já tem Bcp na família enviar currículo para ser encaminhado aos amigos. E-mail: reybomba@hotmail.com , Para provável colocação no mercado de trabalho.

ATENÇÃO não se deixe enganar


Antes de fazer a sua matricula para os cursos de BPC , informe-se sobre a escola, exija uma relação de que tem ou já tiveram bombeiros formados por esta escola e Habilitados pelos orgãos governamentais  Ex CIEB do CBMERJ , assim você não corre o risco de cair nas mãos de trapaceiros e de propagandas enganosas.


Reynoso Silva.

Só se aprende fazer fazendo.






9 comentários:

  1. Sou Pedro Henrique. exaltado1988@hotmail.com

    Por favor, sabe me informar se existe um padrão de curriculum para bombeiro profissional civil?

    ResponderExcluir
  2. Pra começar tire esse exaltado porque BPC não pode ser exaltado só no sentido de Reconhecimento dos bons serviços assim com os BM's. No resto é normal como outro currículo
    Fale sobre os seus conhecimentos na área de BPC.
    Lembre-se de estar sempre atualizado, nas entrevistas vc vai ser cobrado das normas, nas técnicas etc. OBS: visite os sait das estatais
    PETROBRÀS e ELETRONUCLEAR é ai que esta o filé.
    Estude, treine se atualize e vc vai vencer.
    Só se aprende fazer, fazendo.

    Forte abraço
    Ten Bm Reynoso Silva

    ResponderExcluir
  3. VAMOS LUTAR POR UM PISO DE 3 SALARIOS MINIMOS

    PARA NÃO SERMOS SUBMETIDOS A SALARIOS MISERAVEIS OU IRRISORIOS PARA A RESPONSABILIDADE A QUE SOMOS SUBMETIDOS
    ABRAÇO AOS AMIGOS BRAVOS.

    ResponderExcluir
  4. Ten Bm Reynoso Silva14 de fevereiro de 2010 13:10

    Esse piso é para aquele que só tem o registro e não tem especialização e não entrou nas Estatais
    e empresas de grande porte estude e tudo vai mudar leia a lei, vc's já chegaram bem aproveite.

    Forte abraço

    ResponderExcluir
  5. gostaria que algum colega pudesse explicar como que um sujeito que se diz pres. de uma entidade que nos representa[abcerj] mantem ainda no site desta entidade informações incorretas sobre o piso salárial do bombeiro civil no estado do rio de janeiro, ecomo este mesmo senhor em sua empresa paga aos seus funcionários RS 700,oo. sem pagar o tíquete refeição e vale transporte? realmente temos que nos organizarmos para não ficarmos a mercê de alguns maus dirigentes, Deus abençoe a todos nós, avante BPC de todo Brasil.

    ResponderExcluir
  6. Realmente o piso salarial foi nivelado por baixo
    no Rj e vem sendo divulgado pela ABCERJ sem nenhuma explicação ou defesa, já que se trata de uma associação de BPC que deveria se manifestar pelo piso maior praticado por empresas conscientes do valor de um BPC. Cito redes RECOR e Globo...
    O BPC ao meu ver é uma profissão atípica com vários níveis, e não estou falando do nivel da lei federal, e sim do preparo profissional do local da responsabilidade da monta do trabalho, dos riscos que a profissão imponha
    Um BPC de uma plataforma tem maiores riscos e precisa de mais qualificação do que o BPC de um SHOPPING que também sendo básico é detentor de grande conhecimento e responsabilidade. A verdade que é preciso conversar e chegar a uma postura mais proporcional ao mérito ao valor,condigno aos BPC's.
    Reynoso Silva Cidadão Bombeiro

    ResponderExcluir
  7. queria saber ate quando uma empresa de grande porte pode ficar pagando multa para nao pagar o piso certo

    bpc mendes

    ResponderExcluir
  8. caros amigos bpc eu não sei se ai no rj vcs são reconhecido como bombeiro civil, mas aqui em pernabucos samos reconhecidos como bombeiros generico,por todos militares, estamos na lei federal.rogerionascimento07@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Existe uma lei federal e vc's BPC devem regulamenta-la no seu Estado em Pernambuco e depois no município!, O caminho é levar o projetos, é fácil a lei esta ai, falta só a justificativa, ao executivo ou ao legislativo. Com um grupo de BPC. Tem que ser a classe!!!

      Excluir

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.